MARIA ALCINA
Cataguases MG, 22/4/1949
FOTOS
VÍDEOS


    Nascida em Cataguases (MG), ainda no interior de Minas cantava não profissionalmente em igrejas, festas e parques de diversões. Foi levada pelo compositor Antônio Adolfo para o Rio de Janeiro no início da década de 1970, passando a se apresentar em casas noturnas. Dona de voz grave e visual bizarro, se tornou conhecida para o grande público em 1972, quando venceu o VII FIC interpretando "Fio Maravilha", de Jorge Ben, com enorme sucesso. No ano seguinte gravou seu primeiro LP, "Maria Alcina", resgatando clássicos da Era de Ouro da MPB, fazendo sucesso coma música "Alô! Alô! (André Filho), samba anteriormente interpretado com muito sucesso pela dupla Carmem Miranda e Mário Reis. Apresentando uma androginia não muito comum na época e usando roupas e maquilagem extravagantes, adotou um estilo irreverente, através de letras com duplo sentido, o que lhe acabou rendendo problemas com a censura do governo militar, sendo que a cantora ainda hoje diz que muitas pessoas pensam que ela é um travesti. Incluía sempre em seus repertórios músicas gravadas por cantoras das décadas de 1930/1940, tais como Carmem Costa, Emilinha Borba, Marlene, Lana Bittencourt, Aracy de Almeida e, principalmente, Carmen Miranda. Em 1974, gravou o LP "Maria Alcina", com mais um grande sucesso de sua carreira, "Kid Cavaquinho" (João Bosco e Aldir Blanc). Gravou também vários compactos. Logo depois, respondeu processo por "comportamento subversivo" dado à sua imagem extravagante. No ano de 1979 lançou pela Copacabana Discos o LP "Plenitude", com as faixas "Tum tum" (Roberto de Carvalho e Rita Lee), "Folia no matagal" (Eduardo Dusek e Luiz Carlos Goes) e "Torresmo à milanesa" (Adoniran Barbosa e Carlinhos Vergueiro). Na década de 1980, tornou-se jurada do programa de auditório de Raul Gil e deu uma guinada em sua carreira assumindo um lado mais folclórico na parte musical. Por essa época gravou composições de duplo sentido como "Bacurinha" (D.P.) e "Prenda o Tadeu" (Antônio Sima - Clemilda), que fez razoável sucesso na época, ambas presentes no disco "Prenda o Tadeu", lançado pela gravadora Copacabana em 1985. Por essa época, participou do Projeto Pixinguinha ao lado de Moreira da Silva, apresentando-se em várias capitais brasileiras. Ao lado de Emílio Santiago e Jamelão, apresentou-se nos Estados Unidos. Depois de um período longe das gravações e palcos, lançou, em 1992, o LP "Bucaneira" pela gravadora Origem Produções, onde regravou seu maior sucesso "Fio Maravilha". Em 1995 retornou aos Estados Unidos para participar de homenagens à Carmem Miranda: shows e lançamento do disco "A lenda viva de Carmem Miranda (The living legend of Carmem Miranda)", no qual também interpretou algumas composições do repertório da "Pequena Notável". Em 2003 gravou com o grupo Bojo, o CD "Agora". Em 2009 lança seu primeiro disco solo desde 1992, "Maria Alcina, Confete e Serpentina". Em 2013 lança o CD "De Normal Bastam Os Outros", com músicas inéditas de Zeca Baleiro, Arnaldo Antunes, Karina Buhr e Péricles Cavalcanti.

DISCOGRAFIA


1972 - COMPACTO
(Chantecler)
1. Fio Maravilha (Jorge Ben)
2. Charles Júnior (Jorge Ben)

1973 - COMPACTO
(Chantecler)
1. Boquinhas Pintadas (Roberto Murcia Moura / Antônio Jaime / Renato Murcia)
2. Fio Maravilha (Jorge Ben)
3. Xuxu Beleza (Roberto Murcia Moura / Antônio Jaime / Renato Murcia)
4. Charles Jr. (Jorge Ben)
1973 - COMPACTO (Chantecler)
1. A Voz da Noite (Sidney Matos / Augusto Magalhães)
2. Alô Alô (André Filho)
3. Anjo Marinho (Renato Murcia / Roberto Moura)
4. Me Dá Me Dá (Cícero Nunes / Portello Juno)

1973 - Maria Alcina (Chantecler)
1. Alô Alô (André Filho)
2. Como ''Vaes'' Você (Ary Barroso)
3. Maria Bôa (Assis Valente)
4. Os Ciganos (Renato Murcia / Antônio Jaime)
5. Mulher Rendeira (Zé do Norte)
6. A Voz da Noite (Sidney Matos / Augusto Magalhães)
7. Me Dá Me Dá (Cícero Nunes / Portello Juno)
8. No Dia Em Que Eu Vim Embora (Caetano Veloso / Gilberto Gil)
9. Por Ti Eu Me Rasgo Todo (Por Voz Yo Me Rompo Todo) (Canaro / Vrs. Osvaldo Santiago)
10. Anjo Marinho (Renato Murcia / Roberto Moura)
11. Paraíba (Luis Gonzaga / Humberto Teixeira)

1974 - Maria Alcina (Continental)
1. Tome Polca (José Maria de Abreu / Luis Peixoto)
2. Beguine Dodói (João Bosco / Aldir Blanc)
3. Piano Alemão (Wir Haben Ein Klavier) (J. Schmitz / J. Bartels / Vrs. Julio Nagib)
4. Como Se Não Tivesse Acontecido Nada (Ricardo Guinsburg / Miguel Paiva)
5. Foi-se o Que Era Doce (João Bosco / Aldir Blanc)
6. Kid Cavaquinho (João Bosco / Aldir Blanc)
7. Mulher Mulher (Sidney Matos / Augusto Magalhães)
8. Amigos Novos e Antigos (João Bosco / Aldir Blanc)
9. O Anjo do Bem e do Mal (Ricardo Guinsburg / Carlos Medeiros)
10. Carmila (Sidney Matos / Augusto Magalhães)
11. Terceiro Ato (Ricardo Guinsburg / Miguel Paiva)

SD - COMPACTO (Continental)
1. Fio Maravilha (Jorge Ben)
2. Alô Alô (André Filho)
3. Kid Cavaquinho (João Bosco / Aldir Blanc)
4. Piano Alemão (Wir Haben Ein Klavier) (J. Schmitz / J. Bartels / Vrs. Julio Nagib)
1975 - COMPACTO (Continental)
1. Piano Alemão (Wir Haben Ein Klavier) (J. Schmitz / J. Bartels / Vrs. Julio Nagib)
2. Kid Cavaquinho (João Bosco / Aldir Blanc)
1975 - COMPACTO (Continental)
1. Beguine Dodói (João Bosco / Aldir Blanc)
2. Amigos Novos e Antigos (João Bosco / Aldir Blanc)
1975 - COMPACTO (Continental)
1. Coração (Noel Rosa)
2. Seu Jacinto (Noel Rosa)
1975 - COMPACTO (Continental)
1. Kid Cavaquinho (João Bosco / Aldir Blanc)
2. Piano Alemão (Wir Haben Ein Klavier) (J. Schmitz / J. Bartels / Vrs. Julio Nagib)
3. Tome Polca (José Maria de Abreu / Luis Peixoto)
4. Mulher Mulher (Sidney Matos / Augusto Magalhães)

1976 - COMPACTO (Continental)
1. Camisa 10 Da Gávea (Jorge Ben)
2. Sonhar Com Rei Da Leão (Neguinho da Beija-Flor)
1976 - COMPACTO (Continental)
1. Paixão Malagueta (Humberto Teixeira / Rildo Hora)
2. Paixão Malagueta (Humberto Teixeira / Rildo Hora)

1977 - COMPACTO (EMI-Odeon)
1. Hino do Corintians (Lauro D'Ávila)
2. Transplante de corintiano (Manoel Ferreira / Ruth Amaral / Gentil Júnior) 

1978 - COMPACTO (EMI-Odeon)
1. Chica Chica Boom Chic (Harry Warren / Mack Gordon)
2. Revoada (Moraes Moreira / Chacal)

1979 - Plenitude (Copacabana)
1. Tua Sedução (Moraes Moreira / Fausto Nilo)
2. Tum Tum (Rita Lee / Roberto de Carvalho)
3. Escandalosa (Djalma Esteves / Moacyr Silva)
4. Folia no Matagal (Eduardo Dusek / Luis Carlos Goes)
5. Não Venha Tarde Demais (Tavinho Bonfá / Ivan Wrigg)
6. Quase (Mirabeau / Jorge Gonçalves)
7. Haja o Que Houver (Fernando César / Nazareno de Brito)
8. Torresmo à Milaneza (Adoniran Barbosa / Carlinhos Vergueiro)
9. Nova Bandeira (João Ricardo / Luhli)
10. Voz da América (Belchior)
11. É Mais Embaixo (Tradicional)
12. Plenitude (Ubiquidade) (Walter Franco / Manuel Bandeira)

1980 - COMPACTO
(Copacabana)
1. Bacurinha (Tradicional) - com Sivuca
2. Sinal Particular (Zé Orlando / Alcymar Monteiro) - com Sivuca

1981 - COMPACTO
(Copacabana)
1. Doida, Bonita E Gostosa (Jorge Alfredo / Chico Evangelista)
2. O Aperto (Bráulio de Castro)

1982 - COMPACTO (RCA Victor)
1. Vamos Dançar Kumbô (Koumbo) (G. Dann / O. Tamalo / Tempesti / T. Dim / Vrs. M. José)
2. A Espiga (D. P. / Adpt. Maria Alcina / Adpt. Donovan)

1985 - Prenda o Tadeu (Copacabana)
1. Prenda o Tadeu (Antônio Sima / Clemilda)
2. Forró do Rela Bucho (Rela o Bucho da Morena) (Luis Wanderley)
3. É Hoje Que a Paia da Cana Voa (Venâncio / Corumba)
4. É Mais Embaixo (Tradicional / Adpt. Gambier)
5. Torresmo à Milanesa (Adoniran Barbosa / Carlinhos Vergueiro) - com Adoniran Barbosa
6. Doida Bonita e Gostosa (Jorge Alfredo / Chico Evangelista)
7. Tutu à Mineira (Dedé Paraíso)
8. Sinal Particular (Zé Orlando / Alcymar Monteiro)
9. O Aperto (Bráulio de Castro)
10. Bacurinha (Tradicional / Adpt. Gambier)

1992 - Bucaneira (Independente)
1. Sem Vergonha (Jorge Ben)
2. Filho Maravilha (Jorge Ben)
3. Menina Sapeca (Zinho)
4. Sassaô (João Bosco)
5. Desejo (Deseo) (Laércio de Ilhabela / Beto di Franco / Shaça)
6. Brasilidade (Cacau Gamb)
7. Acredita no Véio (Pelé)
8. Bucaneira (Belchior / Gracco / Caio Silvio)
9. Ancestrais (Cacau Gamb)

2003 - Agora 
(Outros Discos) - com Bojo
1. Kataflan (Bojo)
2. Bate Balaio (João Bosco)
3. Pan Pan Pan (Paulo da Portela)
4. Tarja Preta (Wado)
    Fafá (Siri / Bahia / Risoto / Coelho)
5. Nervokalm (Bojo)
6. Antes Do Sangue (Bojo)
7. Sangue Latino (João Ricardo / Paulinho Mendonça)
8. Agora (Bojo)
9. Eu Dei (Ary Barroso)
10. Filho Maravilha (Jorge Ben)
11. Ora Veja (Bojo)

2009 - Maria Alcina, Confete e Serpentina (Outros Discos)
1. Roendo as Unhas (Paulinho da Viola)
2. Cachorro Vira-Lata (Alberto Ribeiro)
3. Não Pára (Wado)
4. Espaço Sideral (Moisés Santana)
5. Açúcar Sugar (Tom Zé / Lô Borges)
6. Colapso (Alzira Espíndola / Arruda)
7. Eu Quero é Botar Meu Bloco Na Rua (Sérgio Sampaio) - com Bojo
8. O Drama (Ronei Jorge)
9. Regador (Roseli Martins)
10. Das Tripas, Coração (Adalberto Rabelo Filho / Piero Damiani)
11. Maria Alcina, Confete e Serpentina (Adalberto Rabelo Filho)

2013 - De Normal Bastam Os Outros (Eldorado)
1. Eu sou Alcina (Zeca Baleiro)
2. De normal bastam os outros (Arnaldo Antunes)
3. Sem vergonha (Jorge Ben Jor)
4. Nhém nhém nhém (Totonho)
5. Segura esse samba, Ogunhê (Osvaldo Nunes)
    Dondoca (Adoniran Barbosa / Hervê Cordovil)
6. Não se avexe, não (Haydée de Paula / Chico Anysio)
7. Bigorrilho (Paquito / Sebastião Gomes / Romeu Gentil) - com Ney Matogrosso
8. O Chefão (João Bosco / Aldir Blanc)
9. Cocadinha de sal (Karina Buhr)
10. Fogo da morena (Felipe Cordeiro)
11. Concurso de bichos (Anastácia / Liane)
12. Dionísio, Deus do vinho e do prazer (Péricles Cavalcanti)